Veja porque a Nova Zelândia é um ótimo destino de intercâmbio

Auckland

Custo de vida mais barato, oportunidades de emprego e ensino de excelência fazem do destino uma boa opção

Em tempos de alta do dólar e do euro, fazer um curso no exterior tornou-se um investimento bastante caro. No entanto, para os que não querem adiar o sonho do intercâmbio, a dica é buscar alternativas de destinos mais baratos e que ofereçam uma estrutura de ensino tão boa quanto os Estados Unidos e países da Europa.

Nova Zelândia, país formado por duas ilhas e situado no Sudoeste do oceano pacífico, é uma dessas opções que oferecem cursos em universidades conceituadas, ótima qualidade de vida e também a possibilidade de aperfeiçoar o inglês, uma das línguas oficiais da nação.

A seguir, veja por que vale a pena fazer um intercâmbio para a Nova Zelândia:

1) Moeda em conta e forte economia

O dólar neozelandês é uma das moedas mais baratas entre os países de língua inglesa, além de ser forte e não sofrer grandes variações. Esses fatores tornam a viagem mais barata e evitam surpresas a longo prazo.

2) Estudo e trabalho

Desde 2014, os intercambistas que chegam à Nova Zelândia podem obter a liberação para trabalhar enquanto estudam. Dessa forma, é possível garantir uma fonte de renda para o período de estádia no país. Trabalhar durante o intercâmbio também é uma ótima forma de melhorar a fluência no idioma local e entender como funciona o mercado de trabalho.

Para trabalhar na Nova Zelândia, é necessário estar matriculado em cursos com duração mínima de 14 semanas em uma escola de categoria 1, com carga horária de 20 horas por semana. Estudantes matriculados em cursos de ensino superior também podem obter a permissão de trabalho. Nesses casos, além das 20 horas semanais também é possível trabalhar em período integral nas férias acadêmicas. Estudantes de mestrado acadêmico e doutorado podem trabalhar em período integral durante todo o programa.

3) Custo de vida mais barato

O custo de vida na Nova Zelândia é mais em conta quando comparado ao de outros destinos tradicionais de intercâmbio. Alimentação e moradia têm preços mais baratos e as viagens dentro do país também não são caras, já que suas dimensões não são muito extensas, proporcionando ao estudante a possibilidade de conhecer muitos lugares.

4) Ensino de qualidade

As universidades neozelandesas são bastante prestigiadas pelo mercado de trabalho, oferecem cursos de excelência e um espaço fértil para a pesquisa científica. Várias instituições do país já entraram em rankings das melhores instituições de ensino superior do mundo.

Olá, seja bem-vindo! Este aviso é apenas para lembrá-lo de CURTIR a Fanpage da BGLOBAL. Continue ligado nas novidades. Obrigado!

CLOSE